Bombardier anuncia resultados financeiros do terceiro trimestre de 2012

A Bombardier apresentou o seu balanço financeiro do terceiro trimestre de 2012, terminado em 30 de setembro. As receitas totalizaram US$ 4,3 bilhões, comparadas a US$ 4,6 bilhões no mesmo período do último ano fiscal. O lucro bruto atingiu US$ 248 milhões, contra US$ 301 milhões no último ano. A margem do lucro bruto perante a receita foi de 5,7%, comparada a 6,5% no último ano fiscal.

O lucro líquido foi de US$ 212 milhões, comparado a US$ 192 milhões no último ano fiscal, e o preço diluído das ações foi de US$ 0,12, um centavo a mais que no ano anterior. O uso do fluxo de caixa livre totalizou US$ 237 milhões, comparado a US$ 346 milhões no último ano. O nível de liquidez em US$ 3,5 bilhões inclui caixa e equivalentes de caixa de US$ 2,1 bilhões. No último ano, os valores foram de US$ 4,1 bilhões e US$ 3,4 bilhões, respectivamente. O acúmulo de trabalho aumentou em US$ 4,7 bilhões desde o começo do ano, atingindo US$ 58,6 bilhões até o dia 30 de setembro.

“Apesar de uma economia estancada, nosso produto e diversificação geográfica nos permitiram continuar a construir um enorme acúmulo de trabalho, de US$ 58,6 bilhões, ao passo que investimos em novas plataformas e mantemos resultados estáveis”, comentou Pierre Beaudoin, CEO da Bombardier Inc. “Os próximos anos prometem ser excitantes e estamos vendo nossos novos produtos ganharem vida”, concluiu.

Bombardier Aerospace
A receita da divisão aeroespacial da Bombardier – que engloba jatos comerciais, executivos, militares, anfíbios e especiais – foi de US$ 2,3 bilhões, mesmo número do último ano. O lucro bruto totalizou US$ 123 milhões (5,4% da receita), comparado a US$ 129 milhões (5,6% da receita) no último ano fiscal. O uso do fluxo de caixa livre atingiu US$ 68 milhões, comparado a US$ 53 milhões no ano fiscal anterior.

Foram entregues 57 aeronaves no terceiro trimestre, 11 a menos que no ano anterior. Mesmo assim, o acúmulo de trabalho aumentou 18,6%, chegando a US$ 26,1 bilhões, comparado a US$ 22 bilhões em 31 de dezembro de 2011.

A Bombardier Jatos Executivos viu um forte índice de procura com 45 pedidos, comparado a 30 no último ano. Isso inclui pedidos múltiplos que somam 19 aviões Global, que totalizam US$ 1,2 bilhões, de acordo com o preço de tabela.

Resultados financeiros do terceiro trimestre (terminado em 30 de setembro de 2012)

ANÁLISE DOS RESULTADOS

Resultados consolidados
Para o período de nove meses, a receita consolidada da Bombardier Inc. foi de US$ 12 bilhões, comparada aos US$ 14 bilhões do último ano fiscal. O lucro bruto atingiu US$ 683 milhões (5,7% da receita), comparado a US$ 909 milhões (6,5% da receita) no mesmo período em 2011.

O lucro líquido atingiu US$ 25 milhões no terceiro trimestre, comparado a uma despesa de US$ 58 milhões no mesmo período do último ano. A diferença positiva de US$ 83 milhões se deve aos maiores ganhos líquidos não realizáveis em alguns instrumentos financeiros e ao menor interesse em gastos financeiros em acordos de longo prazo. Para o período de nove meses, o lucro líquido chegou a US$ 36 milhões, comparado a um déficit de US$ 129 milhões no último ano. O aumento de US$ 165 milhões deve-se aos maiores ganhos líquidos não realizáveis em alguns instrumentos financeiros; ao menor interesse em gastos financeiros em acordos de longo prazo; ganhos em vendas de investimentos; menor amortização dos custos das cartas de créditos; e uma porção aos interesses em um ganho de uma resolução bem sucedida de um litígio com a Canadá Revenue Agency (Agência de Receitas do Canadá).

As taxas efetivas de retorno foram de 22,3% e 18,8%, respectivamente, para os períodos de três e nove meses terminados em 30 de setembro; comparadas à taxa estatutária de 26,8%. A menor taxa se deve ao impacto líquido positivo do reconhecimento de benefícios das taxas de retorno antes não reconhecidas.

Como resultado, o lucro líquido somou US$ 212 milhões (ou US$ 0,12 de ganhos por ação), comparado a US$ 192 milhões no terceiro trimestre do ano passado. Para o período de nove meses, o lucro líquido foi de US$ 584 milhões (ou US$ 0,32 de ganhos por ação), comparados a US$ 623 milhões (ou  US$ 0.35, de ganhos por ação) no mesmo período em 2011. Para o período de nove meses, o uso do fluxo de caixa livre foi de US$ 1,6 bilhão, comparados a um uso de US$ 1,8 bilhão no ano anterior (2011). O acúmulo de trabalho registrou alta, com US$ 58,6 bilhões, comparados a US$ 53,9 bilhões em dezembro de 2011.

Bombardier Aerospace

Destaques:

·                    Receita de US$ 2,3 bilhões

·                    Lucro bruto de US$ 123 milhões, ou 5,4% da receita

·                    Lucro antes de amortizações e depreciações de US$ 182 milhões, ou 8% da receita

·                    Uso do fluxo de caixa livre de US$ 68 milhões

·                    57 entregas de aeronaves

·                    83 pedidos líquidos

·                    Acúmulo de trabalho de US$ 26,1 bilhões

A receita da Bombardier Aerospace alcançou US$ 2,3 bilhões no trimestre terminado em 30 de setembro, o mesmo que no ano anterior. Para o terceiro trimestre, o lucro bruto foi de US$ 123 milhões ou 5,4% da receita; menor que os US$ 129 milhões ou 5,6% da receita no ano anterior. O decréscimo deve-se ao maior custo por mercadoria vendida e ao aumento de preço dos materiais e custos incorridos na conversão do dólar canadense a altos índices. Isso foi parcialmente compensado por valores mais altos de vendas líquidas para jatos executivos, pelo mix de entregas de jatos comerciais e executivos e por uma variação positiva tanto nas provisões de crédito como nos valores residuais garantidos em outras rendas.

O uso do fluxo de caixa livre totalizou US$ 68 milhões para o terceiro trimestre concluído em 30 de setembro, comparado a um fluxo livre de US$ 53 milhões no mesmo período do último ano fiscal. O decréscimo de US$ 121 milhões se deve principalmente a maiores adições líquidas a propriedades, plantas e equipamentos (PP&E) e ativos intangíveis; e também aos significativos investimentos em novos produtos como o CSeries (jato comercial) e o Learjet 85 (jato executivo). Isso foi compensado parcialmente por uma variação positiva no câmbio líquido das balanças relativas às operações não monetárias no período.

Foram computadas 57 entregas, comparadas a 68 no mesmo período no último ano. Dentre as entregas, estão 44 jatos executivos, 12 comerciais e um anfíbio. No último ano, as entregas consistiram em 43 jatos executivos, 24 comerciais e um anfíbio.

A Bombardier Aerospace registrou 83 pedidos líquidos no trimestre, comparado a 34 no mesmo período do ano anterior. Dentre estas, 45 são para jatos executivos e 38 para jatos comerciais. Em 2011, foram 30 jatos executivos e quatro comerciais. O acúmulo de trabalho registrou US$ 26,1 bilhões no trimestre, comparado a R$ 22,6 bilhões em dezembro de 2011. O aumento de 18,6% se deve ao maior número de pedidos em relação às entregas para as famílias Challenger e Global, bem como jatos regionais e turboélices.

Sobre a Bombardier
Líder mundial em soluções inovadoras de transportes, de aeronaves comerciais, jatos executivos a equipamentos de transporte ferroviário e sistemas de serviços, a Bombardier Inc. é uma corporação global com sede no Canadá. Suas receitas para o ano fiscal encerrado em 31 de dezembro de 2011 foram de US$ 18,3 bilhões e suas ações são negociadas na Bolsa de Toronto (BBD). A Bombardier é listada como componente-referência para os índices de sustentabilidade Dow Jones Sustainability World and North América.